Ocorreu um erro neste gadget

sábado, 12 de setembro de 2009

Padrões de Necrose (necrose gordurosa)

pancreatite gordurosa causada por litíase biliar

O pâncreas (anatomia)
O pâncreas é um órgão que se localiza na região abdominal e exerce funções tanto no sistema digestivo (exócrino) tendo como sua unidade funcional o ácino que produz enzimas com alto poder de digerir alimentos, como no sistema endócrino produzindo nas ilhotas de langerhans, insulina, hormônio que conduz a glicose da corrente sanguínea para dentro das células (A deficiência de insulina no corpo resulta em hiperglicemia, é o que ocorre na diabetes mellitus). as enzimas produzidas pelo pâncreas ficam armazenadas na forma inativa para que não agridam o tecido pancreático.

Sistema de ductos
As enzimas pancreáticas são liberadas através de um ducto chamado ducto pancreático (que conduz o suco pancreático) que se une com outro ducto chamado ducto colédoco (que transporta a bile) em uma estrutura chamada ampola hepatopancreática antes de chegar ao duodeno. O ducto colédoco é formado pela junção dos ductos hepático principal e cístico. Enquanto o ducto pancreático transporta as enzimas através do suco pancreático o ducto colédoco transporta a bile, um liquido rico em lipídios produzido pelo fígado a partir de bilirrubina que é armazenado na vesícula biliar. A bile auxilia na digestão das gorduras e de alguns microorganismos (impedindo que o apodrecimento do alimento dentro do intestino delgado), ela se mistura ao suco pancreático na ampola hepatopancreática e essa mistura é liberada no duodeno.

Litíase Biliar
A litíase biliar ou colelitíase são termos que definem a formação de pedras (calcificações) dentro da vesícula biliar, estas pedras se formão (1) quando ocorre grande excressão de colesterol pelo fígado (comum em pessoas obesas e/ou com hipercolesterolemia) que ocasiona um desequilíbro na composição biliar (lipídios muito concentrados) levando a formação de cristais de colesterol monoidratados ou (2) por formação de cálculos compostos de sais de cálcio e bilirrubina. Estes cálculos podem provocar inflamação da vesícula biliar causando dor intensa e/ou obstrução do ducto adjacente a vesícula. Também causam disfunção digestiva pela insuficiente liberação de bile no duodeno.

Pancreatite
As pancreatite agudas normalmente decorrem da ativação de enzimas pancreáticas ainda dentro do pâncreas, a partir da ativação de tripsinogênio em tripsina, inicia-se a transformação de enzimas, antes protegidas em grânulos de zimogênio, em enzimas ativas que passam a agir no interior do pâncreas digerindo-o. Muitas vezes a ativação destas enzimas é ocasionada pelo acumulo delas nos ductos pancreáticos menores quando há obstrução do ducto principal. A ação enzimática no tecido pancreático causam necrose do mesmo, que caracteriza-se como gordurosa pela liberação das enzimas na cavidade peritoneal levando a digestão dos adipócitos e do próprio pâncreas.

Relação entre colelitíase e pancreatite
Como foi dito existe uma comunicação entre o ducto pancreático e o ducto colédoco chamada de ampola hepatopancreática, e é nessa ampola que ocorre a mistura da bile com o suco pancreático. Os cálculos biliares geralmente ficam dentro da vesícula biliar más existem casos em que esses cálculos adentram a rede de ductos causando obstrução dos mesmos, ao adentrar a rede tu ductos os cálculos podem ir parar na ampola hepatopancreática obstruindo tanto a passagem da bile quanto a passagem do suco pancreático causando a retenção do liquido no pâncreas desencadeando a ativação das enzimas o que leva a um quadro de pancreatite aguda severa. O tratamento do problema é a retirada cirúrgica imediata da obstrução para evitar a digestão total do pâncreas, para que o organismo inicie o reparo e remoção do tecido necrosado pelo organismo. A imediata remoção dos cálculos é importante para evitar a morte do paciente ou o desenvolvimento de seqüelas como problemas de hiperglicemia associada a ineficácia da função do órgão após a regressão da doença.
By Thiago Ribeiro

2 comentários:

  1. como saber se ocorreu necrose no pancreas ??? Meu nome é sarah

    ResponderExcluir
  2. tive essa doença na família e teve o pancreas retirado e podendo preservar a vida.

    ResponderExcluir